VT Science - шаблон joomla Mp3
  mepes@mepes.org.br
  (28) 3536-1151

O modelo desenvolvido pelo MEPES neste setor consta de centros de Educação Infantil que se ocupam de manter em sua guarda nos dias úteis, por um período de 10 horas diárias, as crianças carentes da comunidade, na faixa de 0 a 4 anos, garantindo-lhes acompanhamento educativo adequado, socialização e a alimentação necessária ao seu bom desenvolvimento. Dessa forma, indiretamente, por permitir às mães a disponibilidade necessária para o ingresso no mercado de trabalho.


Pois, é indispensável às crianças um adequado acompanhamento sistemático para que alcance a maturidade que se constrói no dia-a-dia e passe naturalmente da infância saída à adolescência promissora que conduz à juventude e vida adulta realizada, feliz, útil à humanidade. O MEPES acredita que o crescimento humano-social começa com a ajuda às famílias na educação de suas crianças.


Centralizamos nossas ações no sentido de:

 

  • Desenvolver autoeducação como caminho para a educação dos princípios humanos, na síntese do saber, sentir e agir.

  • Estabelecer vínculo afetivas e de troca com adultos e crianças, fortalecendo sua autoestima e ampliando gradativamente suas possibilidades de comunicação e interação social.

  • Criar um espaço organizacional entendido como organismo dinâmico, onde se propicia o crescimento pessoal para comunidade.

  • Contribuir para o surgimento de pessoas conscientes de si mesmo e do outro, interagindo no sentido de busca, motivação e construção do conhecimento.

  • Integração a Político Social para atendimento da criança de 0 a 4 anos previsto na LFDB 9394/96.

  • Manter um relacionamento entre pais e educadores, contando com a participação de profissionais experientes, responsáveis pelo desenvolvimento das programações junto às crianças e suas famílias.

  • Promover o desenvolvimento de seres livres detentores de autonomia, que possam dar sentido e direcionar suas vidas.

 

Portanto, as prioridades que lhe são confiadas são:

 

  •  Acompanhamento educativo e adequado à faixa etária de 0 - 4 anos de crianças carentes;

  • Assistência às famílias e orientação das mesmas;

  • Responsabilidade pela educação integral das crianças matriculadas nos centros maternos de educação infantil;

  • Orientação às famílias das crianças em relação à educação da criança, higiene, problemas de convivência no lar, dificuldades várias;

  • Continuidade da motivação das comunidades onde atuam para busca de solução de suas dificuldades.

 

Como sabemos, educar é tarefa tão difícil, tão complexa e tão essencial, que se impõem como um dever coletivo, exigindo esforço conjunto não somente das famílias e da sociedade em geral, mas, sobretudo dos setores públicos e particulares.